Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sexta à Noite

Filmes, livros, restaurantes, receitas, e coisas em geral...

Sexta à Noite

Filmes, livros, restaurantes, receitas, e coisas em geral...

Ainda não faleci...

Eu sei que não posto nada há séculos...mas com o inicio das aulas não tem sido fácil.

É trabalho-escola, escola-trabalho. 

Vamos apenas na terceira semana de aulas, e no dia 5 (já na próxima segunda) tenho um trabalho para entregar, de maneiras que não está fácil para os filmes, livros e comezanas valentes.

Antes do inicio das aulas comecei a ler o Lugares Escuros e ainda nem o consegui acabar...desde o Pianista que não vejo filmes...nunca mais fui a restaurantes ou fiz jantares bons lá por casa...só para que vejam que isto anda mesmo pela hora da morte.

De qualquer forma, e apesar de ter o trabalho para fazer, este fim-de-semana (em principio) está combinado um almoço na Portugália e pelo menos a visualização de um filme, pelo que, depois contarei como foi.

E como já tinha dito anteriormente os post's aqui vão ser muito menos frequentes, contudo, não vão acabar de todo!!!

Portanto, sempre que quiserem podem dar um olhinho!!!! ;)

 

 

O Pianista

O-PIANISTA03.jpg

Vi este domingo, e digo-vos que foi só um dos melhores, se não o melhor, filme que vi nos últimos tempos.

É um filme muito muito forte. Não é para ser visto de animo leve.

Mas é tão bom. Tão bom, mas tão bom.

Acho que possivelmente será o meu filme preferido sobre o holocausto.

Absolutamente sublime.

Adrien Brody faz um papel brutal. Dá uma emoção, uma brutalidade tão grande à personagem. De cortar a respiração.

Possivelmente foi o papel da vida dele. E eu só consigo pensar como é que ele teve estômago para fazer aquele papel.

Que atuação, que história, que realização...não há nada a apontar a este filme. Os cenários...tudo. Brutal.

É um dos filmes a ver antes de morrer. Sem duvida.

 

Classificação: 9.0 na escala de IMDB

 

 

Prego Gourmet

loja1.jpg

Durante a semana do Motel X, jantámos quase todos os dias fora, mas às tantas já não sabiamos muito bem onde ir comer.

Este restaurante foi escolhido mesmo em cima da hora, porque no sabado já não faziamos ideia do que nos apetecia. Entretanto o meu homem lembrou-se de ver no telemóvel o que havia ali perto e pumbas. Fomos parar ao Prego Gourmet.

Ameiiiiiiiiiii

Ameiiiiiiii

Ameiiiiiiiiiiii

Possivelmente já o viram em centros comerciais. Eu já o tinha visto e nunca tinha tido a minima curiosidade em experimentar por pensar que aquilo era só carne de vaca (já disse que não gosto de vaca???).

Mas não, têm também pregos de salmão, atum e porco.

O meu homem comeu prego de vaca claro está, todo a escorrer sangue bahhhhhhhhh.

E comi prego de salmão. E soube-me tão bem, mas tão bem.

Foi o melhor jantar de toda a semana.

O prego que na verdade são dois pãezinhos com lombinhos de salmão dentro,  vem num prato, acompanhado com batatas fritas daquelas caseiras mesmo boas, e salada ceasar.

Era uma salada ceaser simples, sem tiras de frango. Mas era tão boa, tão boa. O molho era também ele muito simples o que a tornava muito leve. Julgo que seria apenas azeite aromatizado com alho e o queijo parmesão. Talvez tivesse um pouco de maionese mas muito muito pouco. E claro tinha os tipicos courtons.

Fiquei mesmo encantada.

O único problema foi o senhor que nos atendeu não ser o mais simpático do mundo, mas à parte disso foi otimo.

E ainda hoje penso nesse almoço.

 

 

Motel X - Balanço final

Passada uma semana do final da nona edição do festival, decidi fazer um balanço final.

Quando estavamos (eu e o meu homem) a decidir que filmes ver, devo confessar que não queria ver tantos. Principlamente porque iria ser muito cansativo.

Mas lá acabei por concordar.

Vi 12 longas-metragens, e 7 curtas. O meu homem viu mais duas longas-metragens do que eu.

Não estou nada arrependida de ter ido tantos dias. E no proximo ano, se tiver oportunidade, gostaria de fazer o mesmo.

É pena que o Fantasporto e o Indie Lisboa sejam em tempo de aulas, impossibilitando-me de poder fazer a maratona de filmes que fiz no Motel X.

 

No que diz respeito à organização dos festival, não tenho nada a apontar.

A única coisa negativa acerca da qual posso falar é das condições da sala 3 do S. Jorge.

Nesta sala, apenas se consegue ler as legendas se não se tiver ninguem à frente.

Se tivermos o azar de ter um cabeçudo à nossa frente estamos tramados.

E a mim foi o que me aconteceu na maioria dos filmes que lá vi. Resultado não me podia recostar na cadeira e tinha que andar ali a fazer uma ginástica do caraças para conseguir ler. Isto não era apenas mau para mim, mas também para as pessoas que se sentaram atrás de mim... :(

 

Em relação aos filmes, gostei de todos. Não há um que possa dizer que não gostei. Talvez não tenha gostado assim tanto da curta Arcana. Mais pelo facto de a personagem principal vomitar muito do que por outra coisa qualquer.

Olhando para trás, concluo que a grande maioria (90% talvez) dos filmes que vi era sobre gajas malucas da cabeça.

Ao contrário do que pensei inicialmente não tive dificuldade em ver os filmes, os únicos que me fizeram mais medo foram o The Visit e o Purgatory e mesmo assim não foram nada de muito especial. Os restantes vi numa boa.

 

Portanto a avaliação global dessa semana é muito boa. Soube muito bem poder fazer uma coisa diferente e uma coisa da qual gosto bastante.

Para o ano há mais! :)

 

 

Costelão Gaucho

transferir.jpg

Fui ao das Picoas na semana passada. Um dia ao jantar antes de ir para o Motel X.

Para já o espaço é muito agradável. Tem bom ar, sabem?

Os empregados muito muito simpáticos.

Não é caro por ai além. É o preço normal para um rodizio.

E a carne...a carne é divina.

Vamos ver se consigo explicar.

Eu odeio carne de vaca. Não como no dia à dia. De todo. Só como quando vou a rodizios e apenas picanha muito bem passadinha e com muito alho para não me saber a nada.

Naquele dia comi picanha, picanha com alho, alcatara e maminha.

A carne tinha um aspeto tão bom que eu decidi experimentar e gostei. Gostei mesmo.

E depois, sempre que eu pedia para trazerem bem passado eles traziam efetivamente bem passado. A carne não tinha ali gordurinhas nenhumas. Tinha um sabor mesmo bom.

Fiquei muito agradada com tudo.

O buffet também é bom. Não sendo porém o melhor buffet que já vi neste tipo de restaurantes. 

Dos seis restaurantes que já experimentei deste genero (Chimarão do Oriente, Fogo do Chão do Dolce Vita, Fogo do Chão do Pateo Bagatela, Sabor Mineiro da av. José Malhoa, Sr Bacalhau do Colombo, e este Costelão Gaucho) a melhor carne é sem sombra de dúvida a do Costelão Gaucho já o melhor buffet por ter uma infinidade de coisas é o do Sabor Mineiro da av. José Malhoa.

De qualquer forma nunca mais quero ir a outro rodizio sem ser este!!!!

 

 

You've Got Mail

tom-hanks-and-meg-ryan.jpg

Era um filme que queria ver há já algum tempo, até porque faz parte da lista dos 250 melhores filmes do IMDB.

É uma comédia romantica com a qualidade das comédias romanticas que se faziam nos anos 90. Não tem nada a ver com as pirosadas que se tem feito nos últimos anos.

E depois tem aquele ar de filme um pouco mais antigo. 

É filmado num bairro nova-iorquino muito tipico. Com aquelas lojinhas mesmo à antiga.

Não existem atuações super brilhantes. Mas o próprio filme não o exigia.

É um filme para ver e relaxar, embrulhados numa mantinha.

Filme de meninas, claro está. Mas ainda assim muito bem escrito. E muito bem realizado.

 

Classificação: 7.5 na Escala de IMDB

A Família Bélie

a_familia_belier-325468.jpg

É só o filme mais fofinho de sempre. De tal forma que me fez chorar tipo madalena arrependida....logo eu que me podia gabar de não chorar nos filmes.

É francês e basta. Não precisava de dizer mais nada, mas vou dizer:

Tem imagens lindas. Uma cor fantástica.

Os cenários muito bem conseguidos.

Excelentes atuações.

Música otima.

História muito envolvente.

É um daqueles filmes para toda a famila.

Fiquei rendida. 

 

Classificação: 8.0 na Escala de IMDB

Motel X - Dias 5 e 6 - Bath Time, Coin Locker Girl, Horseface, Sun Choke, Green Room, The Editor, I Am Here e Knock Knock

Chega atrasado, mas mais vale tarde do que nunca.

Ainda não tinha tido oportunidade de falar acerca dos últimos dois dias de festival. E infelizmente, porque foram ambos muito bons.

Uma vez que são muitos filmes para falar num só post e para não vos aborrecer muito com conversa fiada, vou tentar ser o mais sucinta possivel.

Vamos lá a isto:

 

Bath Time e Horseface são curtas metragens, e na minha opinião, forma as melhores curtas que vi durante todo o festival.

O primeiro lugar vai sem dúvida para o Bath Time. Podem ver o trailler aqui . É a curta mais marada da história.

A serio aquilo é assim uma coisa mesmo muito estranha e muito à frente, adorava poder vê-la outra vez.

 

Classificação: 8.0 na Escala de IMDB

 

No que diz respeito ao Horseface, a segunda melhor curta que vi neste festival, tem uma história fantástica. E só pela história já tinha ganho. Mas tudo o resto também está muito bem executado.

 

Classificação: 7.8 na Escala de IMDB

 

Relativamente às longas metragens Coin Locker Girl, Sun ChokeGreen Room, The Editor, I Am Here e Knock Knock:

 

O The Editor não vi. Tive o tempo inteiro a dormir. Portanto não me vou poder pronunciar. Mas os 5 minutos em que estive acordada, já no final do filmente, deixaram-me com muita pena de não ter conseguido ver.

 

O Coin Locker Girl, foi, para mim, o melhor filme do festival. É um filme coreano e pode deixar-vos um bocadinho de pé atrás por causa disso mesmo. Mas é simplesmente brutal. Tem uma quantidade de corrupção, "mafiosisse", maldade e perversão tão grande, como só um filme coreano poderia ter. Muito bom.

 

Classificação: 8.5 na Escala de IMDB

 

O Sun Choke, é um filme de gajas pirulis da cabeça. De resto como a marioria dos filmes que vi neste festival. A definição ideal para ele seria pérfido.

 

Classificação: 6.8 na Escala de IMDB

 

Green Room...quando este filme foi apresentado (para quem não sabe, antes de começar qualquer filme, vai uma pessoa ao palco falar um pouco sobre ele) foi dito que seria um filme muito forte, que não seria para estômagos sensiveis, que tinham visto passar uma gravida e talvez não fosse muito apropriado e bla bla bla.

É um filme forte, que é. Mas também não é assim uma coisa tão má como tudo isso. Não houve nenhuma cena que me provocasse assim uma repugnâcia tão grande. Mas talvez tenha a ver com o facto de ninguém ter vomitado.

 

Classificação: 6.8 na Escala de IMDB

 

I Am Here. Só tenho a dizer que a Kim Basinger faz um papel, pfuuuuu, brutal. Vênias para esta senhora.

A vontade de ser mãe é levada a um extremo tal, que vale tudo (mesmo tudo) para conseguir o que quer.

 

Classificação: 7.2 na Escala de IMDB

 

Finalmente o Knock Knock. É um bom filme, que é. O Keanu Reeves faz um bom papel, que faz. Mas dentro do mesmo gênero e mais ou menos dentro da mesma história, prefiro o Deadly Virtues, que vi este ano no Fantasporto.

 

Classificação: 7.0 na Escala de IMDB

 

E pronto, é isto!

Regresso às Aulas

Hoje, para mim também é dia de regresso à escola.

O inicio do segundo ano da minha segunda licenciatura.

Apesar de trabalhar e estudar, tudo ao mesmo tempo, ser muito cansativo, não posso dizer que esteja triste pelo inicio das aulas.

Não estou, estou bem contente até. Gosto muito deste novo curso. E espero que este novo ano corra tão bem como o anterior.

Obviamente que vou deixar de ter tempo para ler livros e ver filmes. Logo os posts aqui ficam comprometidos...

Filmes agora é só às sextas, sábados e domingos à noite. Daí o nome deste blog. A sexta á noite é para relaxar.É assim um descomprirmir depois de uma semana caótica.

Quer dizer, caótica também não. Porque apesar de trabalhar e estudar faço tudo com muita tranquilidade.

Venho de manhã para o trabalho com tranquilidade.

Vou á tarde para a escola com tranquilidade.

Quando saio da escola à noite vou para casa com tranquilidade.

É tudo com muita tranquilidade. A única coisa má é que sobra pouco tempo para dormir.

Mas é uma fase.

Durmo nas férias! 

 

Boa sorte então para mim neste inicio de ano letivo!!! 

 

Pág. 1/3